Laboratórios de Próteses Dentárias chegam a mais 11 cidades alagoanas

Alagoas passa a contar com mais 11 Laboratórios de Próteses Dentárias. E para assegurar o seu correto funcionamento, os coordenadores das unidades passaram por uma capacitação nesta terça-feira (23), organizada pela Secretaria de Estado de Saúde (Sesau). A ação aconteceu na sede da Associação Brasileira de Odontologia (ABO), no bairro Cruz das Almas, em Maceió.

Os novos Laboratórios de Próteses Dentárias irão funcionar nas cidades de Barra de Santo Antônio, Batalha, Branquinha, Campestre, Jacaré dos Homens, Maragogi, Passo do Camaragibe, Paulo Jacinto, Pindoba, Roteiro e Santa Luzia do Norte. Com os 41 já existentes, Alagoas vai contar, agora, com um total de 52 unidades.

Segundo o gerente da Atenção Primária da Sesau, Rodrigo Luz, os novos Laboratórios de Próteses Dentárias marcam mais um avanço na assistência à saúde em Alagoas. “O investimento na Atenção Primária é essencial para a evolução de toda a rede de atenção à saúde e tem sido uma prioridade do Governo Renan Filho e do secretário de Estado da Saúde, Alexandre Ayres. Por isso, capacitar os coordenadores destas unidades é fundamental, para que assegurem à população um atendimento qualificado”, destacou.

Os serviços desempenhados pelos Laboratórios de Próteses Dentárias são considerados de vital importância pelo gerente de Atenção Primária da Sesau. As próteses, segundo ele, representam uma questão de cidadania, “uma vez que, uma pessoa com falhas na dentição, tem comprometida sua mastigação e também afeta sua autoestima”, salientou Rodrigo Luz.

Os Laboratórios de Próteses Dentárias recebem repasses do governo federal de acordo com os índices de produção. Para a gerente do Programa de Saúde Bucal da Sesau, Lourdes Mota, a ampliação da rede em Alagoas é importante para melhorar a assistência ao tratamento dentário.

“O ganho psicológico e de qualidade de vida é imensurável para quem sofre com problemas bucais e encontra assistência pelo SUS. Por isso, o treinamento dos coordenadores destas unidades é fundamental para que tenham a compreensão da importância que elas têm para a sociedade, além de conhecerem todos os parâmetros técnicos para que funcionem adequadamente”, evidenciou.

Ascom – 23/07/2019

(Visited 1 times, 1 visits today)